Sucesso na Jornada de Pediatria da Regional Vale do Rio Grande



A cidade de Uberaba, no Triângulo Mineiro, recebeu nos dias 30 de junho e 1º de julho, a 26ª Jornada de Pediatria da Regional Vale do Rio Grande da Sociedade Mineira de Pediatria. Com mais de 130 inscritos e nove palestrantes, esta edição do evento foi a oportunidade dos pediatras comemorarem os 25 anos da Regional. O pediatra Cláudio Araújo Faria, presidente da Regional Vale do Rio Grande, faz uma avaliação da Jornada e fala sobre os desafios da especialidade na região.

Qual a avaliação que o senhor faz do evento? Como ele foi recebido pelo público?

Evento foi um sucesso. Os temas, as palestras e seus palestrantes foram elogiados. A organização do evento foi nota dez e deu tudo certo. Foi muito bem recebido e a frequência foi alta, anfiteatro cheio em todos os períodos. Os participantes pediram que repetíssemos todos os anos.

Qual a importância de se realizar um encontro dessa natureza em Uberaba, no triângulo mineiro?

A possibilidade de disseminar conhecimentos no interior facilitando o acesso às informações e atualizações é muito importante. Fortalece a especialidade e a nossa Regional/ SMP e SBP.

Além de um evento científico, a Jornada marcou a comemoração dos 25 anos da Regional do Vale do Rio Grande. É uma longa trajetória. O que esses 25 anos significam para a Regional?

A Jornada foi um marco de inovação em vários aspectos, divulgação, organização, plataforma digital, pontuação no CNA e trabalhos inscritos, um total de 18 com três premiados em primeiro lugar, mostrando assim a profissionalização do evento.

Os 25 anos representam a consolidação dos valores dos pediatras da região que se uniram e fundaram há 25 anos uma associação que se mantém coesa e atuante até hoje.

Para o senhor, quais os desafios da especialidade na região?

A pediatria, nos grandes e pequenos centros, continua lutando pelos seus direitos, valorização do trabalho médico, melhores condições de trabalho e atuando junto à sociedade para orientação e implantação efetiva dos direitos da criança. Nossa luta é diária, e através dos nossos eventos podemos também criar laços de amizade e abrir espaço para discussões de ações que podem ser realizadas para melhorar nossas condições de trabalho e qualidade de vida.

Confira a matéria feita na Jornada:

 

Leave a Comment